terça-feira, 27 de março de 2012

Centenário do Mazzaropi

De 3 a 15 de abril de 2012, a Cinemateca Brasileira festeja o centenário de nascimento de Amácio Mazzaropi (09 de abril de 1912 – 13 de junho de 1981). Intérprete de uma das personagens mais famosas do cinema brasileiro, o Jeca, Mazzaropi lançou-se nas telas no início dos anos 1950, na comédia Sai da frente, produzida pelos estúdios da Vera Cruz em São Paulo, e dirigida pelo cineasta e dramaturgo Abílio Pereira de Almeida. Sempre encarnando tipos populares – do motorista de caminhão ao malandro Pedro Malazartes, passando por engraxate, cangaceiro, torcedor fanático ou pai de família conservador – foi como o caipira do interior paulista que Mazzaropi eternizou-se no imaginário brasileiro. A homenagem organizada pela Cinemateca reúne algumas das principais obras estreladas por Mazzaropi, como o “road movie” cômico Sai da frente (1952), Nadando em dinheiro (1952) e Candinho (1953) – produções da Vera Cruz. Além delas, os filmes O gato de madame (1956), Chofer de praça (1958), Jeca Tatu (1959), As aventuras de Pedro Malazartes (1960), e Um caipira em Bariloche (1973), títulos em sua maioria realizados pela PAM Filmes. O grande destaque da homenagem fica por conta da seção Mazzaropi Restaurado, programa reunindo quatro clássicos da filmografia do comediante em cópias restauradas pela Cinemateca, com patrocínio da Petrobras – Zé do Periquito (1961), O lamparina (1963), O corintiano (1966) e O puritano da Rua Augusta (1966). A Cinemateca Brasileira fica no Largo Senador Raul Cardoso, 207, próxima ao Metrô Vila Mariana. Veja a programação no site da Cinemateca. Outras informações: (11) 3512-6111 (ramal 215).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

A Educação e o mundo moderno - 9 e 10/8/2017

Em virtude do lançamento do livro "Hannah Arendt: a educação e o mundo moderno", organizado por José Sérgio Fonseca de Carvalho e...