quinta-feira, 28 de março de 2013

Arte moderna italiana

Abre hoje no Museu de Arte Contemporânea da USP (MAC-USP), às 19 horas, a mostra "Classicismo, realismo, vanguarda: pintura italiana no entreguerras". São 71 pinturas adquiridas na Itália, entre 1946 e 1947, por Francisco Matarazzo Sobrinho, o Ciccillo, e sua esposa Yolanda Penteado, para o Museu de Arte Moderna (MAM) e transferidas posteriormente para o acervo do MAC. A coleção remonta à história da arte moderna italiana figurativa, baseada na noção de realismo, em diálogo com a tradição clássica do período entreguerras, em que eram estabelecidas trocas entre artistas e críticos brasileiros e italianos. Podem ser conferidas obras como as de Giorgio De Chirico, de Fausto Pirandello, de Giuseppe Capogrossi, e de artistas brasileiros de origem italiana, a exemplo de Alfredo Volpi e Fúlvio Pennacchi. Curadoria de Ana Magalhães. O projeto curatorial inclui seminário temático, com a participação de convidados do Brasil, Itália, EUA, França e Argentina; um curso e duas publicações. As inscrições são gratuitas, e devem ser feitas pelo e-mail cursosmac@usp.br ou pelo telefone (11) 3091-3559. Mais informações pelo site www.mac.usp.br. Esta exposição estará no MAC da Cidade Universitária (Rua da Praça do Relógio, 160 – Butantã – SP – Telefone (11) 3091-3039), de terça e quinta-feira, das 10 às 20 horas; Quarta, sexta-feira, sábado, domingo e feriado, das 10 às 18 horas. Segunda-feira, fechado. Entrada franca. Classificação: livre




Nenhum comentário:

Postar um comentário

A Educação e o mundo moderno - 9 e 10/8/2017

Em virtude do lançamento do livro "Hannah Arendt: a educação e o mundo moderno", organizado por José Sérgio Fonseca de Carvalho e...